Dicas do Protegildo - Revista Proteção, Saúde e Segurança do Trabalho
Usando Melhor o Celular na Empresa

Usando Melhor o Celular na Empresa

A perda de atenção e de produtividade são algumas das consequências negativas do uso incorreto de celulares no local de trabalho.

Saiba como estabelecer parâmetros de uso dos aparelhos, contribuindo para evitar acidentes e outras complicações no ambiente laboral.

Regras para Uso de Celulares/Smartphones

  • Seja razoável – a proibição total e generalizada pode não sera melhor opção. Se o uso do aparelho estiver prejudicando o andamento do trabalho, restrinja-o para situações de emergência familiar ou nos casos em que o trabalhador exerce sua atividade em local isolado e pode precisar se comunicar;
  • Explique – esclarecer aos trabalhadores as razões para as novas recomendações pode ajudar no seu cumprimento, bem como ouvir suas sugestões para o aprimoramento de regras consensuadas/compartilhadas sobre o uso de celulares;
  • Amplie – se for o caso, não limite a política apenas para celulares. Trate como dispositivos de comunicação para englobar uma gama maior de aparelhos, como tablets, smartphones, etc;
  • Especifique – deixe claro para quem as regras se aplicam, se valem também para funcionários terceirizados, motoristas da empresa que utilizam ou não veículo da companhia, etc. Há determinadas situações em que o celular é ferramenta de trabalho, o que exige cuidados na abrangência das novas determinações;
  • Proibições – especifique/esclareça o que não é conveniente fazer durante o trabalho, como falar ao telefone, enviar ou receber mensagens de forma abusiva, acessar a internet para fins pessoais;
  • Permissões – Infome quando, onde e como o uso do celular é permitido, como durante os intervalos, seja para almoço ou lanche. Lembrando que, falar no celular não pode comprometer o conforto acústico dos circunvizinhos;
  • Comunique – disponibilize a política de uso em pontos estratégicos da empresa e distribua para todos os funcionários. Outra opção é estabelecer orientações gerais já no contrato de trabalho do funcionário;
  • Divulgue – realize campanhas educativas sobre o uso seguro dos dispositivos no trabalho.

 

ATENÇÃO! Cada ambiente de trabalho tem suas próprias particularidades. É necessário que se avalie caso a caso para que sua política de uso seja adequada e funcional. Sempre que possível, estabeleça/construa a política de uso de celulares ouvindo o público-alvo, ou seja, os funcionários.

 

Operador-de-máquinas-usando-celular-na-empresa

Notas de segurança:

O uso de celulares no ambiente de trabalho pode influenciar positiva ou negativamente a segurança dos colaboradores.

É sempre importante verificar caso a caso, a fim de evitar situações em que as proibições ou restrições reduzam a efetividade das medidas de segurança adotadas durante a execução das atividades laborais.

Fonte: Revista Proteção, Dicas do Protegildo.

Facebook Comments

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

E-Book Grátis

Acessar o E-Book Grátis

Sobre André Chaves


Engenheiro Ambiental com pós graduação em Engenharia de Segurança pela Universidade Fumec, presto consultoria na área de Segurança do Trabalho e Saúde Ocupacional. Acredito na aplicação da SST nas empresas de forma a oferecer o máximo de segurança aos trabalhadores, sem que isto onere demasiadamente os empregadores.